Manuel Maria Carrilho

No. of Articles: 132
Newspapers: Diário de Notícias | Público

11. A política da postura, uma impostura?

1 - Francisco Assis é um dos poucos políticos do PS no ativo que escreve, no plano das ideias, textos que merecem ser lidos. Ainda que às vezes custe um pouco, tal o plano de aridez ideológica, de consensualização política e de negligente indiferença em relação à ação em que eles se situam.

Written by Manuel Maria Carrilho 31 Jul, 2014
12. Ilusões do ilimitado

Excesso, desmesura, descontrolo, desvario ou, numa simples palavra grega, húbris. O grego antigo tem esta extraordinária capacidade de nos dar uma constelação de sentidos, de sugestões e de ideias numa só palavra. A húbris é uma delas, ela atravessou séculos e milénios e continuamos a precisar dela para olhar com lucidez para os dias que vivemos.

Written by Manuel Maria Carrilho 24 Jul, 2014
13. No reino do social-individualismo

Este começo oficial de campanha eleitoral europeia confirma eloquentemente como a política vive hoje dias do maior desalento, da maior desorientação e da maior impotência. Esta evidência impõe-se com mais força em cada dia que passa, dando origem aos sentimentos e às reações mais diversas: de rejeição da política, de deslegitimação dos dirigentes, de desespero dos cidadãos.

Written by Manuel Maria Carrilho 15 May, 2014
14. Cegueira fatal

As crises estão todas ligadas, mas há duas que o estão bem mais do que todas as outras.: trata-se da crise da União Europeia e da crise do socialismo democrático, vulgo social-democracia europeia. Em mês de eleições europeias, que se realizarão dentro de pouco mais de duas semanas, convém dar a este facto alguma atenção.

Written by Manuel Maria Carrilho 08 May, 2014
15. Porque é que os amanhãs já não cantam?

<strong>O ARDIL</strong> - Hoje é o 1.º de Maio, mas já ninguém acredita em amanhãs que cantam. Pelo contrário, o País vive refém de um debate entre falsas alternativas, isto é, entre supostas soluções que escondem ou escamoteiam o problema que ele na verdade enfrenta, em vez de o ultrapassarem. Quando pega, este ardil bloqueia demoradamente um país, condenando-o a todos os tipos de impasses.

Written by Manuel Maria Carrilho 01 May, 2014
16. Um País de joelhos

<strong>AS COMEMORAÇÕES</strong> - É sempre muito adiante que se sabe o que ficou para trás. Por isso, o 25 de Abril é sempre igual e é sempre diferente: vive entre uma data fixa do calendário e um contexto sempre distinto, que é o da história que fazemos, quantas vezes sem sabermos bem o que se está a fazer.

Written by Manuel Maria Carrilho 24 Apr, 2014
17. O travão

Só um povo masoquista deixaria passar a oportunidade de ouro que são as eleições municipais do próximo domingo sem dar uma lição exemplar ao Governo que nos últimos dois anos sistematicamente traiu - a palavra, infelizmente, só pode ser esta - todas as promessas feitas e todos os compromissos assumidos.

Written by Manuel Maria Carrilho 26 Sep, 2013
18. Cultura viva, cultura-mundo

Para agir é necessário compreender o sentido, ou os vários sentidos, do que acontece. Esta compreensão está hoje, contudo, muito refém da atualidade, que tanto condena os cidadãos ao atordoamento ( isto é, à inflação de notícias sem a correspondente capacidade para as organizar, hierarquizar ou metabolizar), como condena a democracia à desvitalização (isto é, ao cumprimento cada vez mais indolente das suas formalidades democráticas mínimas).

Written by Manuel Maria Carrilho 19 Sep, 2013
19. De mãos atadas?

Os romanos tinham 182 dias por ano de "pão e circo", ou seja, de espetáculo para os distrair dos seus verdadeiros problemas. Nós temos certamente o dobro, o que, na verdade, significa o ano todo. E com uma intensidade e variedade tais que se torna muito difícil não só a atenção ao mundo, mas também a compreensão e a ação que a deviam acompanhar.

Written by Manuel Maria Carrilho 12 Sep, 2013
20. A raposa no galinheiro

A lição da rentrée é clara: o financismo tomou de tal modo conta da linguagem comum, ele está de tal modo incrustado nas palavras quotidianos de todos, que sem nos libertarmos desse garrote não há qualquer hipótese de saída da crise, ou de visão que dê forma a um novo rumo para o País.

Written by Manuel Maria Carrilho 05 Sep, 2013
more

People

Cavaco Silva (9)
José Sócrates (7)
François Hollande (7)
Sócrates (6)
Jacques Delors (5)

Locations

Europa (37)
Portugal (28)
Alemanha (12)
França (10)
Grécia (9)

Organizations

União Europeia (44)
Governo (19)
Estado (17)
Portugal (10)
Alemanha (9)